Sobre nuvens e relogios

Coevolução newsletter #10

Este ano estamos dedicados a construir um currículo de base para apoiar a prática regenerativa.

Sendo uma prática para a transformação de sistemas vivos, a regeneração se apoia amplamente no pensamento sistêmico. Nos próximos meses é por aí que vai caminhar a nossa atenção.

Por exemplo, você sabe o que é um problema do tipo relógio e um problema do tipo nuvem? Essa é talvez a primeira distinção que precisamos fazer ao entrar neste universo de sistemas.

Alguns tipos de problemas se assemelham a um relógio. Possuem fronteiras bem definidas, relações de causa e efeito conhecidas e as partes podem ser identificadas e reparadas. Os problemas de engenharia, a partir de um olhar pontual, são problemas do tipo relógio. Eles são problemas estáveis em que há um entendimento comum sobre qual é o problema e qual solução o resolverá.

 

Isso não significa que problemas relógio (ou tame) são problemas simples. Eles podem ser problemas extremamente complicados que requerem um esforço coletivo coordenado, como a construção de um grande avião comercial.

Porém, problemas de caráter social, ecológico e econômico são problemas complexos que se assemelham mais com uma nuvem. São problemas difíceis de se entender e definir suas fronteiras, são imprevisíveis e mudam constantemente.

A falta de discernimento da natureza intrínseca dos problemas com que estamos lidando nos faz cometer um grave erro: lidar com problemas do tipo nuvem utilizando ferramentas e modos de pensar do contexto dos problemas do tipo relógio.

Ou seja, precisamos aprender a lidar com sistemas complexos e dinâmicos. Embora isso seja pouco usual para nós, não é mais difícil do que aquilo que já fazemos. É uma reorientação do pensamento para incorporar a natureza sistêmica da vida.

O quadro conceitual Cynefin é um modelo mental que nos ajuda a gerar sentido em sistemas complexos. Este quadro nos ajuda a identificar e qualificar quatro tipos de sistemas: simples, complicados, caóticos e complexos. Este discernimento é crucial para a visão sistêmica da vida.

Assista a esta introdução do quadro feita pelo próprio autor, Dave Snowden.

Compartilhe a Coevolução Newsletter com alguém.

Posted by Felipe Tavares

Trabalho para conciliar o desenvolvimento social com a inteligência dos sistemas vivos. Acredito que a sustentabilidade começa com uma mudança de pensamento e não de técnicas.

Deixe uma resposta