SOBRE

O Instituto de Desenvolvimento Regenerativo (IDR) é uma empresa social que acredita que os seres humanos podem viver em uma relação de reciprocidade positiva entre si e com a natureza. Visualizamos um mundo em que as pessoas se dispõem à autotransformação à medida que se assumem como cocriadores de suas realidades pessoais e da realidade do mundo em que vivem. Trabalhamos por um mundo em que as pessoas, inspiradas pela natureza, criam meios de vida saudáveis e prósperos ao mesmo tempo em que contribuem para a evolução dos sistemas naturais de que fazem parte. Nós acreditamos que temos a responsabilidade ética de regenerar e cuidar dos sistemas socioecológicos e da memória biocultural da Terra.

A nossa missão é contribuir para a emergência de uma cultura regenerativa ao inspirar novas formas de pensar os velhos problemas. Servimos como catalisadores para a transformação de como as pessoas relacionam consigo mesmas, entre si, e com toda a comunidade de vida no planeta. Através de nossos cursos e programas nós cultivamos as competências necessárias para que as pessoas possam se tornar agentes de transformação capazes de criar soluções inteligentes às crises de nosso tempo. Nós auxiliamos pessoas, comunidades e organizações a iluminarem sua visão, identificarem seu verdadeiro propósito e tomarem decisões sábias que levem em consideração seu papel regenerativo no contexto em que estão inseridos. Através de nossa consultoria conduzimos um processo de inovação transformativa capaz de gerar um novo sentido e importância para os trabalhos a serem desempenhados.

Desenvolvimento Regenerativo

Conduzimos projetos inovadores em um processo de descoberta e realização de potenciais regenerativos. Facilitamos a emergência de uma relação simbiótica entre o lugar, as pessoas e os projetos de desenvolvimento.

Desenvolvimento Humano

Promovemos o encontro das pessoas com seu propósito e desenvolvemos as capacidades para resolver desequilíbrios pessoais e coletivos. Facilitamos a transformação interior necessária para que as pessoas realizem as mudanças que querem no mundo.

ABORDAGEM

LOCAL

Em vez de replicar soluções padronizadas, enraizamos cada projeto em seu contexto socioecológico. Prosperidade e saúde sistêmica só é possível através de um profundo entendimento das especificidades do lugar que nos informam os locais adequados para intervenção.

DESENVOLVIMENTAL

Não importa o quão brilhante são os projetos e estratégias, eles só serão bem sucedidos quanto forem às pessoas que os implementarem. Conduzimos um processo de aprendizado coletivo que ajudam as partes envolvidas a cultivar as habilidades necessárias para o pensamento e prática sistêmica.

SALUTOGÊNICO

Em vez de sanar problemas e desequilíbrios pontuais trabalhamos para potencializar a saúde local. A abordagem salutogênica reconhece a ligação necessária entre saúde humana e planetária e convida as pessoas a assumirem sua responsabilidade diante da sua saúde e na co-criação de comunidades saudáveis.

SISTÊMICO

Para obter sucesso em um projeto e saúde integral em uma comunidade é fundamental uma abordagem sistêmica. Identificamos os relacionamentos e padrões do lugar e trabalhamos criativamente com as partes envolvidas para garantir o desenvolvimento estratégico de soluções bem informadas.

REGENERATIVO

A sustentabilidade, além de insuficiente, não é inspiradora e desconsidera a maior dádiva dos seres humanos, que é o potencial de serem agentes de transformação capazes de criar mais abundância e condições propícias à vida do que seria possível sem a sua presença. Assim, nossos projetos visam um impacto sistêmico positivo.

VIVO

Concebemos os sistemas humanos e ecológicos como Sistemas Vivos. Assim, nosso trabalho identifica, entende e fortalece as relações necessárias para criar as condições propícias à vida a partir de um processo evolucionário em que sistemas sociais, econômicos e ecológicos prosperem juntos.

EQUIPE

Felipe Tavares

Educador e consultor em desenvolvimento regenerativo, agroecologista e engenheiro ambiental. Trabalha para conciliar o desenvolvimento social com a inteligência dos sistemas vivos. Acredita que a sustentabilidade começa com uma mudança de mentalidade e não de técnicas.

Juliana Diniz

Cientista social, educadora para sustentabilidade e terapeuta integrativa engajada em processos de descolonização e na construção de uma consciência ecológica. Através da união entre educação e cura, trabalha para a emergência de culturas regenerativas que promovam saúde pessoal e planetária. Facilita processos de cura a fim de que cada vez mais pessoas possam desenvolver resiliência diante dos desafios da vida e oferecerem o seu propósito único ao mundo.

 

Temos a responsabilidade ética de regenerar e cuidar dos sistemas socioecológicos e da memória biocultural da Terra.